10 fotos da Costa Alentejana (Odemira)

O concelho de Odemira é o mais extenso de Portugal. Localiza-se no Alentejo, a sul do país, entre florestas de sobreiros, azinheiras e eucaliptos e as falésias da costa litoral. Apesar da paisagem poder ser de serra, planície ou de mar, esta região é sem qualquer dúvida mais conhecida pela sua costa.

São 55 quilómetros de costa, totalmente integrada no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina. Esta é uma área protegida lindíssima, com arribas, grutas, praias e um mar implacável. Apesar destas condições aparentemente “agrestes” é exatamente aqui, nas arribas ou nos rochedos junto à costa, que as cegonhas-brancas constroem o seu ninho. É o único sítio do mundo onde nidificam nestas condições, uma vez que normalmente podemos encontrá-las em postes de eletricidade, árvores ou prédios velhos.

Odemira tem 12 praias, sendo uma delas fluvial e outra de rio. De todas elas destaco duas delas, a da Zambujeira do Mar, eleita em 2012 como a “Melhor Praia Urbana” e a Praia das Furnas, eleita a “Melhor Praia de Rio” no mesmo ano.

Aqui ficam 10 fotografias da Costa Alentejana de Odemira.


Dicas para ir até à Costa Alentejana de Odemira

(Se fizer as suas reservas através destes links, não paga mais nada por isso e eu ganho uma pequena comissão, o que é determinante para eu continuar a escrever sobre viagens. Obrigada!).

Como chegar e se deslocar: Pode chegar a Odemira de autocarro (Rede Nacional de Expressos ou Rodoviária do Alentejo), comboio ou de carro. Pela A2 são pouco mais de 2h de Lisboa. Para se movimentar entre os vários pontos da região o melhor é utilizar carro. Se precisar de alugar espreite o Rentalcars.

Onde dormir: Eu fiquei na Quinta Pedagógica da Samoqueirinha – Duna Parque Hotel Group e gostei bastante. É um pouco afastado do centro de Vila Nova de MIlfontes, mas perfeito para uma família com crianças.

Como planear uma viagem de forma independente (tal como eu faço)?
. Reservar os melhores voos no SkyScanner. Aqui consegue encontrar e comprar os melhores voos para o destino escolhido.
. Alugar carro no Rentalcars. Vai encontrar todas os parceiros e fornecedores disponíveis assim como os preços das várias gamas.
. Marcar no Get Your Guide os bilhetes de entrada nos locais que pretende visitar ou nos tours que quer fazer, para evitar filas e tempo perdido.
. Fazer o visto em iVisa.
. Fazer um seguro de viagem na Iati Seguros, para não correr riscos que podem sair caros.
. Utilizar o cartão Revolut, que lhe possibilita fazer pagamentos e levantamentos na moeda do local onde estiver a viajar (e poupar muito dinheiro em taxas).
. Marcar sempre que necessário uma Consulta do Viajante para conhecer os riscos associados à sua viagem e as respectivas medidas de protecção e prevenção.
. Optar sempre que possível por levar menos bagagem possível. Veja as minhas 10 dicas.

 

Sobre a Kate
É uma ex-consultora, blogger de viagens a tempo inteiro, viajante há 20 anos e mãe da Maria há 5. Viaja na maior parte das vezes em família, com a filha desde que era uma bebé de 2 meses e os 3 juntos já fizeram mais de 30 viagens pelo mundo.
Fundou o Wandering Life, organiza @instameets.pt, fundou e é vice-presidente da ABVP – Associação de Bloggers de Viagem Portugueses, tem ebooks onde ajuda outras famílias a viajar, é fundadora da comunidade Famílias de mochila às costas e da rubrica Conversas em família.

Deixe um comentário